loader
V I R A D A


COLUNISTAS









clear

Girls in Tech Brazil anuncia finalistas do Lady Pitch Night

Evento irá premiar dez projetos de tecnologia e empreendedorismo protagonizados por mulheres

 

A primeira edição do Lady Pitch Night no Brasil promete fazer história nos segmentos de tecnologia e empreendedorismo feminino. Por conta da expressiva quantidade de inscritos e da qualidade dos projetos apresentados, o júri decidiu aprovar dez finalistas, ao contrário dos cinco inicialmente previstos. O LPN é uma competição de negócios ainda em estágio inicial cujo foco são startups fundadas ou cofundadas por mulheres, evento que já acontece nos EUA e na Europa. Os vencedores serão escolhidos em rodadas de pitchs em evento que será realizado no dia 11 de maio, no espaço Cubo Coworking, em São Paulo, a partir das 18h30.

 

Além da rodada de pitchs, que contará com premiação para a vencedora e finalistas, o encontro terá talks de ícones das áreas de tecnologia e empreendedorismo. As inscrições para o público ainda estão abertas, sujeitas à lotação, apenas pelo site https://www.sympla.com.br/lady-pitch-night__56124. Entre os prêmios estão uma viagem para São Francisco, nos EUA, um ano de coworking na Plug, uma solução de gestão Eboss e outros benefícios como ingressos para eventos internacionais e nacionais de tecnologia. 

 

Os projetos selecionados para o LPN apresentam inovações relacionadas à Saúde, Entretenimento, Urbanismo, Beleza, Consumo, trocas de conhecimento e de dados e Educação. Os dez finalistas selecionados foram:

 

1 – Brand Lovers: primeira plataforma de market place, completamente social e customizada com base em big data e machine learning, de beleza, onde o usuário descobre produtos, realiza compras e compartilha sua opinião. https://brandlovers.com/

 

2 - Bright Photomedicine: empresa que proporciona saúde e bem-estar por meio do desenvolvimento de soluções tecnológicas em Fotomedicina (uso da luz para tratamentos clínicos). Seu primeiro produto é um curativo portátil e flexível que utiliza a luz para a redução e bloqueio da dor (fototerapia). http://www.brightmed.com.br

 

3 - Cuboz.com: um site gratuito que conecta pessoas para que reúnam-se em Redes para compartilhar conhecimento, filtrar, armazenar e organizar informações, comentar e debater sobre o assunto. É uma nuvem de Redes de Conhecimento. http://www.cuboz.com

 

4 – Daily Ride: é um app que conecta pessoas com assentos vazios em seus carros com outras indo na mesma direção. Quem dá carona, divide o custo do combustível. Quem pega carona, vai no conforto do carro por valor similar ao do ônibus (R$5). Com o aumento da cultura da carona esperamos ver um impacto no trânsito. http://www.dailyrideapp.com

 

5 – Epistemic: Um dos grandes desafios para quem estuda epilepsia é prever quando uma crise vai acontecer. A Epistemic está desenvolvendo um dispositivo que faz justamente isso: com 25 minutos de antecedência, informa o paciente que um surto irá ocorrer. http://www.epistemic.com.br

 

6 - Incast - conectando talentos: primeira plataforma para gerar e fazer negócios na área de comunicação no Brasil. Exclusiva para empresas, profissionais e artistas de publicidade, cinema, TV, teatro, radio, eventos e todos os segmentos de entretenimento. https://incast.com.br 

 

7 - Menu for Tourist: traduz cardápios dos restaurantes para até 8 idiomas. No aplicativo, o turista lê o menu no seu idioma e mostra para o garçom seu pedido no idioma nativo (em português no caso do Brasil). Assim, o pedido é feito sem necessidade de comunicação. http://www.menufortourist.com

 

8 – Omnize: plataforma de atendimento multicanal para sites de empresas. Na primeira versão, possibilita o atendimento por vídeo, voz e chat, e em próximos lançamentos também integrará WhatsApp, DM de redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter), e-mail e PABX.http://www.omnize.com.br

 

9 – Stella: aplicativo que estimula o uso de combinações (looks) diferentes, explorando um maior número de peças do guarda-roupa. O app se comporta como uma amiga conselheira, disponível 24x7, que vai ajudá-la a criar looks diferentes e opinar sobre o que está usando, levando em conta o tipo físico, clima, ocasião e estilo. Sumarizado e em tempo real. http://stella.mobi

 

10 – Timokids: aplicativo de livros e jogos socioeducativos, ilustrado em 3D com áudio em 4 idiomas e presente em mais de 190 países. Uma ferramenta de suporte para pais e professores para tratar de assuntos do dia a dia da criança de maneira lúdica. https://timokids.com.br

 

"O Lady PItch Night é um evento que promete tornar-se uma referência obrigatória para os empreendedores, investidores, designers e engenheiros que querem saber das tendências que estão por vir em inovação e conhecer os cases das inovadoras mais brilhantes em tecnologia no Brasil", diz a francesa Estelle Rinaudo, co-managing director da Girls in Tech Brazil. 

 

O evento tem o patrocínio do Banco Mundial, Cubo, Qualcomm, Cosmos Wide, Sympla, BRQ, Google Campus e apoiadores como iMasters, Rede Mulher Empreendedora, Plug Pessoas e Negócios, Punch! e Alves&Costa Consultoria. 

 

 
Primeira edição do evento aconteceu em Paris. (Foto: divulgação)

SOBRE O LADY PITCH NIGHT: 

11/05, 18h30

Espaço CUBO, R. Casa do Ator, 919 - Vila Olímpia, São Paulo - SP.

Entrada: R$ 45 até o 31/04 e R$ 65 até o dia do evento, ou caso os ingressos esgotem. Vendas somente pela internet: https://www.sympla.com.br/lady-pitch-night__56124

 

Sobre o Girls in Tech 

 

O Girls in Tech (GiT) é uma iniciativa global sem fins lucrativos que busca promover o engajamento de mulheres que lidam com novas tecnologias. Composto por profissionais com capacidade para inspirar e liderar, é objetivo do grupo incentivar o crescimento da presença de mulheres inovadoras e empreendedoras no ambiente de tecnologia, criando condições para que tenham sucesso e que assumam posições de destaque nesse ecossistema. 

 

Fundado em 2007 pela americana Adriana Gascoigne, o GiT hoje está presente em mais de 35 países. O formato de trabalho vem sendo estruturado para auxiliar mulheres em três pilares: educação formal (ensino médio), networking/mentoria e formação profissional. No Brasil, o GiT foi lançado em junho de 2013 em São Paulo, em agosto de 2015 no Rio de Janeiro quando unimos forças e iniciamos o Girls in Tech Brazil. 

 

Fonte: Divulgação

OUTRAS NOTÍCIAS

2016

JUNHO
MAIO
ABRIL
MARÇO
FEVEREIRO
JANEIRO

2015

clear
NEWSLETTER
Receba notícias e novidades para ajudar você e seu negócio:
ASSINAR

SEGMENTOS
REALIZAÇÃO



Este portal foi desenvolvido pela Objecta internet, uma agência digital engajada com a iniciativa empreendedora e com os resultados online das pequenas empresas.