loader
V I R A D A


COLUNISTAS









clear

Equidade: a fórmula do sucesso para empresas familiares

No contexto atual, não há como negar que a maioria das empresas brasileiras, 90% para ser mais especifico é de origem familiar. Isso significa que elas estão nas mãos de uma família que influencia não só nos interesses e objetivos, mas também na política geral do negócio por pelo menos duas gerações. Em uma análise mais abrangente, podemos afirmar que essa não é uma realidade apenas do Brasil, e sim global. Muitas companhias começam como negócios familiares e se tornam excelentes empreendimentos.

Diante desse cenário, fica claro que independente do porte ou da área em que atuam, as empresas familiares têm uma influência de peso no andamento econômico, social e político do país. No Brasil, de acordo com o Sebrae, elas são responsáveis pela criação de aproximadamente dois milhões de empregos diretos e ainda possuem uma participação invejável no Produto Interno Bruto (PIB): 12% do segmento agrobusiness, 34% da indústria e 54% de serviços.    Porém, mesmo diante desse panorama positivo, esse tipo de organização enfrenta muitos desafios na gestão.


Uma das principais dificuldades encontradas diz respeito às decisões relacionadas ao controle acionário ou liderança dentro da companhia. É fato que essas questões, em determinados momentos, surgem em qualquer contexto organizacional, mas, em se tratando de uma empresa familiar, elas se tornam particularmente delicadas. É importante ressaltar que, além do cunho profissional e empresarial, elas envolvem também o relacionamento entre os membros da família.

Nessas circunstâncias surgem algumas indagações que podem se tornar um impasse: um determinado membro da família deve ser escolhido para gerenciar um negócio apenas por ser o mais velho? Ou ainda, a distribuição das ações deve ser de forma igualitária, ou quem gerencia a empresa merece uma fatia maior? Como esses questionamentos são de grande relevância para esse segmento, raramente há uma única resposta óbvia para eles. É essencial que esse julgamento seja feito de forma a preservar o relacionamento entre os membros da família. E também é importante que se tenha o foco na imparcialidade do processo por meio do qual as decisões são tomadas. Nesse caso, podemos perceber o quanto é imprescindível justiça e equidade dentro dessas organizações.

É necessário observarmos que as empresas familiares que alcançaram o sucesso obtiveram êxito aprimorando o processo de equidade. Para tanto, elas utilizaram métodos como a realização de reuniões em família para aumentar o nível de comunicação e entendimento, apresentação das expectativas dos membros da família e da administração de forma objetiva, aplicação das mesmas regras para todos os envolvidos e disponibilização de melhorias de processos continuamente para que haja sempre comunicação de forma honesta. Além disso, a criação de um conselho de administração composto também por membros externos, gerentes ou consultores que não fazem parte da família, faz com que a consistência seja imprescindível. Por fim, para que as empresas familiares se tornem empreendimentos duráveis são necessárias políticas que sejam respeitadas e que haja clareza no processo de equidade, além de igualdade entre acionistas na hora de tomar decisões que impactam nos rumos dos negócios.

 

 

* Sebastian Soares é sócio da KPMG

 

 

 

 

 

 

 

Sobre a KPMG 

 

A KPMG é uma rede global de firmas independentes que prestam serviços profissionais de Audit, Tax e Advisory. Estamos presentes em 155 países, com mais de 155.000 profissionais atuando em firmas-membro em todo o mundo. As firmas-membro da rede KPMG são independentes entre si e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Cada firma-membro é uma entidade legal independente e separada e descreve-se como tal.

 No Brasil, a organização conta com 4.000 profissionais distribuídos em 13 Estados e Distrito Federal, 22 cidades e escritórios situados em São Paulo (sede), Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, Joinville, Londrina, Manaus, Osasco, Porto Alegre, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, São Carlos, São José dos Campos e Uberlândia.


Fonte: Divulgação

OUTRAS NOTÍCIAS

2016

clear
NEWSLETTER
Receba notícias e novidades para ajudar você e seu negócio:
ASSINAR

SEGMENTOS
REALIZAÇÃO



Este portal foi desenvolvido pela Objecta internet, uma agência digital engajada com a iniciativa empreendedora e com os resultados online das pequenas empresas.